O que não faltam são pessoas com o desejo de morar fora do país. Seja por uma experiência de curto período, ou então por longos meses de duração. Pensando nisso, trazemos um artigo com 4 programas de intercâmbio para você conhecer. Vale destacar que, cada programa conta com pré-requisitos específicos, e pode ser que nem todos se enquadrem dentro do seu perfil.

Sendo assim, é importante que a leitura seja feita com tranquilidade, para que você entenda quais as diferenças entre os tipos de intercâmbio abordados durante esse artigo. Trazemos uma variedade ampla, que consegue atender aos mais diferentes públicos. Vem com a gente!

Curso de Idiomas

Curso de Idiomas

Comecemos com um dos programas mais procurados, o curso de idiomas. Esse intercâmbio pode ser feito de períodos bem curtos, com 1 semana de duração, até longos períodos, que chegam a 52 semanas e podem ser renovados. Ou seja, caso você queira melhorar o domínio em algum idioma, o tempo do intercâmbio não será um problema. Isso porque existe uma flexibilidade muito grande. Quase todas as escolas contam com datas de início todas as segundas-feiras que não sejam feriado.

Dito isso, alguns dos idiomas nos quais a wta Intercâmbio tem escolas parceiras, são: inglês, espanhol, italiano, alemão e francês. As instituições parceiras estão presentes em todos os continentes. Dessa maneira, se você quiser visitar algum país vizinho, como o Chile, ou então algum lugar que fica do outro lado do globo terrestre, como a Austrália, será possível analisar as possibilidades e optar pela que mais se encaixa com o seu perfil.

Por fim, existem outras duas características importantes. A acomodação, que pode ser em residência estudantil, casa de família, ou então pode ser alugada por fora, em um AirBNB ou algo do gênero. E também a carga horária, que varia de 15 a 30 horas semanais, a depender do destino e instituição de ensino. Ou seja, cursos que acontecem apenas por meio período, ou por período integral. Vale fazer uma análise de possibilidades junto com um de nossos especialistas.

Programa de Férias

Programa de Férias

O programa de férias pode ser segmentado por idade, a depender da situação. Por exemplo, em alguns casos é focado em alunos de 12 até 17 anos. Porém, com a wta, é possível fazer um programa de intercâmbio de férias para adultos. Nessa proposta, o único pré-requisito específico é que você tenha 18 anos ou mais na data em que a viagem começa.

Um dos diferenciais mais legais, é que você fecha um pacote, e nele está incluído o curso, acomodação, transfer de ida e volta, entre outros detalhes. Além de tudo isso, você também tem acesso a um líder, que conhece o destino e ficará junto com o grupo no passar das semanas. Este tipo de programa costuma ter uma duração de 2 a 3 semanas.

Normalmente, esse tipo de programa ocorre em cidades que contam com uma demanda alta, como Vancouver, New York, Londres e Paris. Como normalmente são metrópoles, e com o curso ocorrendo apenas no período da manhã, na parte da tarde você pode passear com o grupo, ou de maneira individual. E assim conhecer os principais pontos turísticos da região. Por último, mas não menos importante, ao final do curso você recebe um certificado com o nível do idioma que você finaliza o curso, do mais básico ao proficiente, a depender do seu nível de conhecimento.

Estudo e Trabalho

Estudo e Trabalho

Esse também está entre os programas de intercâmbio mais populares entre os brasileiros. Mas por que? Basicamente, porque você tem a possibilidade de estudar um idioma e trabalhar, por meio período, legalmente no exterior. Além do curso de idiomas, é possível, em alguns lugares como o Canadá e a Austrália, estudar um curso técnico enquanto pode trabalhar. Nesses casos será exigido um conhecimento mais aprofundado do idioma.

Todavia, se você não domina o idioma, é aconselhável que vá estudar um idioma. Cada país tem sua regra específica, e por isso, vale se informar com um de nossos especialistas. Os países que permitem estudar o idioma enquanto trabalha envolvem A Irlanda, Malta, Espanha, Austrália e Nova Zelândia. Existem exceções em outros locais do mundo, porém os mais comuns são esses que citamos.

Os períodos variam, na Austrália e na Nova Zelândia o mínimo é de 14 semanas, na Irlanda, Espanha e Malta normalmente envolvem programas maiores, de 6 meses ou mais (com uma pequena variação no número de semanas). Os salários e períodos de trabalho também mudam de acordo com cada destino. Ou seja, analise bem para entender qual fica mais próximo do que você procura.

High School

High School

Para finalizar, temos o programa de High School, que nada mais é do que fazer um período do ensino médio fora do país. É o intercâmbio mais antigo e tradicional que existe, foi onde tudo começou. O aluno precisa estar no ensino médio no Brasil, matriculado regularmente em uma escola. Além disso, é necessário, no mínimo um conhecimento intermediário do idioma, e em alguns casos, nível avançado.

É possível fazer um teste para comprovar o idioma, sem custo algum. Os países nos quais o programa está disponível são: Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, Austrália, Nova Zelândia e Irlanda para o estudo em inglês, e outros destinos para idiomas diversos, como Itália, Alemanha e Espanha.

O programa de High School costuma incluir absolutamente tudo, acomodação em casa de família ou residência estudantil (no caso do boarding school), pensão completa, seguro-saúde, entre outros detalhes importantes para os estudantes. A equivalência dos estudos no exterior para as escolas brasileiros costumam ocorrer de maneira simples, sem grandes dificuldades.

Caso você queira conhecer um pouco mais sobre as possibilidades de intercâmbios, nos chame para conversar. Por fim, para ficar por dentro das novidades e receber diversas dicas sobre educação no exterior, nos siga nas redes sociais @wtaintercambio.